IPad

iWork para iPad

image iWork é a office suite  feita pela Apple. A mesma está oferecendo esta office suite em iPad também. O iWork disponíveis no IPAD é a nova e melhorada versão, ela vem com três aplicativos, são eles, Pages, Keynote e Numbers, esses aplicativos podem ser comprados em lojas da Apple e cada uma poderá custar US $ 9,99. O "iWork" é muito fácil e user-friendly e dá ao usuário experiência fora do comum.

Sobre as aplicações que compõe o iWork, o Pages é para processamento de texto, o Keynote é para apresentação e Numbers é para planilhas eletrônicas.

O aplicativo Pages como descrito acima, é um aplicativo de processamento de texto e vem com 16 modelos adicionais. Esta aplicação é muito fácil, basta abrí-lo e começar a escrever. Não há necessidade de fazer alguma coisa extra ou selecionando as opções antes de começar a escrever. Assim como MsWord, Pages é um software muito importante para usuários do IPAD, especialmente para os escritores e quem mais necessite digitar textos de forma rápida.

image

O Aplicativo Numbers está também disponível com 16 modelos extra. Esta aplicação é melhor para aqueles que trabalham principalmente em planilhas eletrônicas, por exemplo cálculos (250 calculadora funções integradas), contas, listas de preços e outras coisas, assim como o bom e velho Excel da Microsoft.

image

A melhor parte do iWork é que os documentos do Numbers e Pages podem ser mesclados. Para fazer isso, finalize e salve seu documento do Numbers e em seguida vá ao Pages, clique em Exibir, clique em "Inspector Show" e uma janela inspector irá aparecer e nessa janela selecione "Mesclar", uma vez que a área  de junção aparecer clique no botão “Escolher” e escolha o seu documento do Numbers que você salvou e você pode continuar seu trabalho em ambos os aplicativos (Pages e Numbers) ao mesmo tempo.

image

O aplicativo Keynotes é bastante surpreendente porque usando o Keynotes o usuário pode criar apresentações impressionantes, como gráficos, slides ou outras coisas visual. Este aplicativo é usar no modo paisagem por causa de dos slides no formato horizontal.

O aplicativo iWork é realmente surpreendente e muito útil para todos os usuários IPAD. É o tipo de aplicação chama de Must-Have devido ao seu poder de integração entre os aplicativos.

Espero que tenha gostado desse artigo.

Abraços!

Márcio Pulcinelli @ OminaVincit


Nos ajude a manter o site… Clique nos anúncios, não custa nada!
 

IPad???

Em essência, o iPad é próximo do “iPhone”, mas não tem funções de celular, embora possa fazer chamadas por meio da internet (com uso de programas de voz sobre IP (VoIP)).

É possível navegar na internet por meio de conexões sem fio (Wi-Fi e 3G). Ele também traz interface Bluetooth para se comunicar com periféricos, como teclados e webcams sem fio.

Tem uma tela touchscreen de 9,7 polegadas e mede 24 cm de altura por 19 cm de largura. A espessura é de 1,3 cm e o peso é de 680 gramas (modelo sem 3G) e 730 gramas (modelo com 3G).

Existem seis versões do iPad: três apenas com conexão Wi-Fi e três com Wi-Fi e 3G. A diferença entre os modelos está também na memória. Os preços dos iPads apenas com Wi-FI são US$ 499 (16 GB de memória), US$ 599 (32 GB) e US$ 699 (64 GB). As versões com Wi-Fi e 3G custam US$ 629 (16 GB), US$ 729 (32 GB) e US$ 829 (64 GB). Todos os modelos vêm com um processador de 1 GHz fabricando pela própria Apple. Os preços valem apenas para o mercado americano. Para o mercado brasileiro, tenho visto preços em torno de R$ 1.600,00-R$ 1.700,00.

Se for comprar o IPad nos Estados Unidos, fique atento, pois a conexão Wi-Fi funcionará sem problemas, mas a 3G não. O iPad virá com modem 3G desbloqueado, o que em tese garantiria o funcionamento com qualquer cartão SIM de acesso de dados. A pegadinha é que o padrão de cartão usado no iPad será o microSIM, também conhecido como 3FF SIM.

Esse cartão tem cerca da metade do tamanho dos chips 3G atualmente comercializados pelas operadoras brasileiras. Os atuais chips 3G brasileiros, portanto, não poderiam ser encaixados no iPad. É necessário aguardar até que as operadoras forneçam chips no formato microSIM ou que se encontre no mercado algum adaptador que funcione.

Segundo a Apple a bateria dura 10 horas em uso constante.

Como ponto forte, o iPad traz a consagrada interface do iPhone, que faz excelente uso da tela touchscreen. O iPad também roda todos os programas feitos para iPhone no tamanho natural ou em tela cheia. Assim, ele já nasce com milhares de programas para expandir as funções originais do aparelho.

Ele também funciona como leitor de e-books e suporta o formato aberto ePub, além de livros vendidos na nova loja iBook Store. Por ter uma tela maior, o iPad também é uma boa opção para os games criados originalmente para iPhone. Além disso, o modelo 3G permitirá navegação GPS com Google Maps.

 

image

 

Existem quatro pontos fracos relevantes. O primeiro é a falta de suporte à tecnologia Flash, muito usada em animações de sites e transmissão de vídeo na web. O segundo ponto é a falta de uma webcam.

O terceiro ponto fraco é a falta do “multitasking”, termo que denomina a capacidade de rodar vários programas ao mesmo tempo. Na maioria das situações, o iPad roda apenas um programa de cada vez. Ou seja, se estiver vendo um vídeo e quiser abrir um documento de texto, o usuário tem que fechar o tocador de vídeo para poder abrir o programa de texto. Apenas alguns programas básicos podem ser executados simultaneamente.

Finalmente, o iPad não traz entradas para equipamentos USB ou para cartões SD. Por isso, para conectar qualquer periférico o usuário terá que adquirir adaptadores, vendidos separadamente.

 

Márcio Pulcinelli @ OminaVincit